Tênis Minimalista.


adipure Trainer nos pé deste blogeiro
 
No post anterior falei sobre um estudo de correr descalço ou com tênis e acabei citando os tênis minimalistas e muita gente me questionou sobre isso. Portanto aqui vai um poste dá série plantão de dúvidas.

Um das características do treinamento funcional é melhorar as capacidades físicas e habilidades motoras que utilizamos em nosso cotidiano. Dentro desse pensamento existe uma corrente que prega um treino em que devemos explorar ao máximo essas capacidade e habilidades e para eles a utilização de tênis de corrida (entenda tênis com qualquer tipo de amortecimento) nos impede de atingir esses objetivos.  Uma vez que esse tipo de tênis tem uma sola com muita camadas, nossos pés perdem totalmente o contato com o solo que limita nossa propriocepção e nos deixando mais “preguiçosos” uma vez que o tênis (em teoria) se encarrega de amortecer o impacto nós não utilizamos nosso próprio mecanismo de defesa.

Os tênis minimalistas surgiram nessa tendência de do pé ter mais contato com o chão, para isso é utilizado um solado bem fino, sem nenhum tipo de amortecimento e bem flexível. Com isso o pé tem bastante liberdade de movimento e com a sensação semelhante a ter o pé no chão.

Mas porque não ficar descalço logo de cara?
Isso parece ser bem mais lógico, mas para quem sempre usou algum tipo de calçado e não está acostumado a o pé no chão o tempo todo, pisar em pedras ou em uma calçada quente não são sensações agradáveis. Bem como segurança, superfícies molhadas já são perigosas com calçados imagina descalço.

Essa onde de tênis minimalista ficou forte com uma empresa chamada Vibram com os tênis Five fingers (ao lado), e com seu sucesso as empresas maiores também lançaram suas linhas de tênis minimalista. A Nike com a linha Nike free, a adidas com o adipure e a reebok com o nano (uma linha destinada a quem fazcrossfit).


 Nike Free


Reebok nano


Acho não que agora não é só uma tendência, já virou um nicho do mercado.



Até a próxima
Treine FUNcionalmente!

0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

 
Real Time Web Analytics